Macedônia instala estátua gigante de Alexandre e irrita gregos

DAS AGÊNCIAS DE NOTÍCIAS

A instalação de uma estátua de Alexandre, o Grande, foi concluída terça-feira (21) na praça central de Skopje, a capital da Macedônia.

Suas peças, de bronze, chegaram semana passada de Florença (Itália). A estátua, de 40 toneladas, custou ao país US$ 13 milhões. São 12 metros da escultura em si, sobre 10 metros de pedestal.

Guindaste coloca estátua de 12 m de altura de Alexandre Magno sobre pedestal de 10 m, na capital da Macedônia

A estátua é o centro de um projeto controverso do governo macedônio chamado Skopje 2014, que busca desenvolver a abatida capital.

Fica sob um Arco do Triunfo, próximo de um museu de figuras de cera sobre antigos líderes macedônios, uma praia de palmeiras e uma futura roda-gigante, no coração da cidade.

RIVALIDADE

O nome oficial da escultura dado pelos macedônios é “Guerreiro a cavalo”, uma tentativa de evitar a cólera dos gregos. Mas o rosto do cavaleiro revela os traços fortes atribuídos ao conquistador da Antiguidade.

Existe há duas décadas uma rivalidade com os gregos, que reclamam sobre o próprio nome do país –Macedônia–, o mesmo de uma região no norte da Grécia.

O território onde era o antigo Reino da Macedônia, região de origem de Alexandre, hoje tem partes em ambos os países.

Deste modo, a Grécia denuncia hoje como “provocação” a montagem da estátua gigante. O país já atuou contra a entrada da Macedônia tanto na União Europeia como na Otan (Organização do Tratado do Atlãntico Norte).

O chefe da diplomacia grega, Stavros Lambrinidis, considerou em declaração ante o parlamento de Atenas que se tratava de uma “provocação” que “pesará nas conversações” bilaterais”.

Trabalhadores elevam a estátua de Alexandre sobre pedestal na praça central de Skopje