Nazareno, o petista da PEC 33, triplicou o patrimônio em dois anos

O “ilustre” ainda teve a cara de pau de apresentar um projeto para limitar o consumo de cada brasileiro.

Do blog Coturno Nortuno

José Nazareno Cardeal Fonteles, o deputado petista e piauisense da PEC 33, aquela que quer botar o STF de joelhos diante dos mensaleiros da CCJ da Câmara, é um fenômeno nas finanças. Triplicou o seu patrimônio entre 2008 e 2010, segundo as suas declarações patrimoniais depositadas no Tribunal Superior Eleitoral.

Em 2008, quando foi candidato a prefeito de Teresina, com o apoio de Lula, sofrendo uma fragorosa derrota para o PSDB no primeiro turno, Nazareno declarou um patrimônio de pouco mais de R$ 200 mil, conforme abaixo.

Em 2010, quando não foi reeleito deputado federal, ficando como suplente, a sua declaração de bens triplicou. Nazareno comprou apartamento no Piaiuí por uma pechincha de R$ 90.000, na Visconde da Parnaíba, em Teresina, onde os imóveis giram em torno de R$ 250.000. O mais incrível é que Nazareno também achou outra barbada em Fortaleza, onde comprou um apartamento por apenas R$ 50.000, na Rua Maruoca, na Varjota. Além disso, ainda sobrou dinheiro para aplicar uns R$ 240.000.

Se alguém de Teresina e de Fortaleza quiser ver onde ficam os novos apartamentos do Nazareno da PEC 33, basta dar um pulinho lá e confirmar. Se o preço for esse mesmo que ele declarou, reserva um em cada lugar para o Corona. Quero ter o prazer de ser vizinho deste gênio das finanças, o Nazareno.

Veja aqui o patrimônio do petista em em 2008

Veja aqui o patrimônio do petista em em 2010

Nazareno, o pau mandado sem mandato