Presidente da Câmara de Paraibano já gastou R$ 400 mil em 2015; veja o destino

Com equipamentos e suprimentos de informática a vereadora vai torrar R$ 30 mil. Valor é suficiente para comprar 16 notebooks da marca Dell, cada um no valor de R$ 1.779,00

Celia Vereadora

A presidente da Câmara Municipal de Paraibano, vereadora sarneyzista Ana Célia (PR), gastou R$ 400.088,00 (quatrocentos  mil  e oitenta e oito reais) com material de expediente, limpeza, alimentação, internet, informática, radiodifusão, serviços gráficos e mobília.

Os contratos firmados entre a vereadora e as empresas foram publicados no Diário Oficial do Maranhão do dia 07 e 08 de abril de 2015.

Veja os detalhes de cada contrato.

Limpeza  –  A vereadora assinou dois contratos com a mesma empresa, a  Lucitelma Melo de Sá para fornecimento de materiais de expediente, consumo e gêneros alimentícios. E o custo total saiu pela bagatela de R$ 60.000,00 (sessenta mil). Os contratos, assinados dia 3 de março de 2015, têm vigência até 31 de dezembro.

Limpeza 2 – Com a empresa Rex Comércio e Representações Ltda o contrato assinado pela vereadora para fornecer material de expediente, limpeza e gêneros alimentícios foi no valor de Valor R$ 20.000,00 (vinte mil reais). O documento foi assinado dia 03 de março de 2015 e tem vigência até o dia 31 de dezembro de 2015.

Informática  –  A empresa Rex Comércio e Representações Ltda também vai abocanhar um contrato no valor de R$ 30.000,00 (trinta mil reais) para fornecer equipamentos e suprimentos de informática. Detalhe: O valor é suficiente para comprar 14 notebooks da marca Dell, cada um no valor de R$ 1.779,00.  O documento foi assinado dia 05 de março de 2015 e tem vigência até o dia 31 de dezembro de 2015.

Serviços gráficos  – Para a prestação de serviços gráficos, a vereadora assinou dois contratos com a empresa Nilson Ribeiro da Silva – ME. O custo total  é R$ 60.000,00 (sessenta mil reais). Os documentos foram assinados nos dia 05 e 06 de março de 2015 e tem vigência até o dia 31 de dezembro de 2015.

Mobília  – Com a  empresa L.R. Nogueira Aires – ME a vereadora assinou contrato no valor de R$ 60.000,00 (sessenta mil reais). O documento foi assinado dia 09 de março de 2015 e tem vigência até o dia 31 de dezembro de 2015.

O  contrato não especifica quais são os móveis que serão adquiridos, a quantidade e o valor de cada um.

Internet  – Para a prestação de serviços internet,  a vereadora assinou dois contratos com a empresa Mauro Sérgio de Sousa Lima – ME. O valor total dos contratos é de R$ 15.088,00 (quinze mil e oitenta e oito reais).Os documentos foram assinados nos dias 6 e 15 de 2015 e tem vigência até o dia 31 de dezembro de 2015.

Radiodifusão  – A vereadora assinou dois contratos com empresa INDESPA – Instituto de Desenvolvimento de Paraibano, em nome de Raimundo Ari Furtado Filho, para prestar serviços de radiodifusão. O valor total foi de R$ 60.000,00 (sessenta mil). Os documentos foram assinados dias 6 e 10 de março de 2015 e tem vigência até o dia 31 de dezembro de 2015.

Móveis e eletrodomésticos  – Para fornecer Móveis e eletrodomésticos, a vereadora assinou contrato com a   empresa L.R. Nogueira – ME, no valor de R$ 50.000,00 (cinquenta mil reais). O documento foi assinado dia 06 de março de 2015 e tem vigência até o dia 31 de dezembro de 2015.

Clique nos Diários e veja cada licitação.

Diario Oficial do Maranhaõ doa dia 07 de abril de 2015

Diario Oficial do Maranhão publicado dia 8 de março de 2015

Vereadora Célia vai torrar R$ 60 mil com mobília para a Câmara de Paraibano

Vereaores de Paraibano

A presidente da Câmara Municipal de Paraibano, Ana Célia (PR) assinou contrato com a empresa L.R Nogueira Aires para aquisição de mobília.

O contrato valor de  R$ 60.000,00 foi assinado dia 08/03/15 e o prazo para execução termina dia 31/12/15. A empresa que abocanhou a bolada tem sede localizada na rua Januário Veríssimo, nº 660, Centro, Barão de Grajaú.

O  documento não especifica quais são os móveis que serão adquiridos e a quantidade.  Quais são os móveis? Qual o valor de cada um? A vereadora Célia tem obrigação de esclarecer.

Apesar do contrato ter sido assinado em março, até hoje nenhuma cadeira, mesa, sofá, armário, entre outros itens, foi adquirido. Tem vereador que nem sequer sabia do contrato.

Mesmo torrando R$ 60 mil  para a compra de mobília, tanto os vereadores quanto a população que vai prestigiar as pouquíssimas sessões (apenas quatro por mês, quando tem), sentam em cadeiras de plástico, causando um desconforto danado.

Nem mesmo a cadeira giratória da vereadora Célia, que está velha e cheia de mofo  foi trocada. Um verdadeiro absurdo esse gasto.

Reviravolta: Vice-prefeita de Paraibano vai comandar o PSC no lugar da vereadora Dênia Sá

Rejay e Denia

Rejany e Dênia disputaram o comando do PSC em Paraibano

Não chamem para a mesma mesa a vereadora Dênia Sá e a vice-prefeita de Paraibano, Rejany Gomes. Motivo: As duas travaram uma disputa ferrenha para controlar o Partido Social Cristã (PSC) no município.

A confusão toda começou assim que o deputado André Fufuca (PEN) passou a comandar o PSC no estado no mês passado. Fufuca é aliado da vice-prefeita.

Mesmo sendo cabo eleitoral e aliada de Fufuca, a vice-prefeita perdeu a disputa pelo controle do partido para vereadora Dênia no mês passado. ‘A sorte de Dênia é que ela apoiou o deputado estadual Rogério Cafeteira (PSC), e ele garantiu o comando da legenda para a vereadora’, revelou uma fonte via WhatsApp.

Assim que vice-prefeita  leu a reportagem neste blog sobre a disputa pelo controle do partido no município, ligou para o professor Hilton Franco e fez alguns esclarecimentos, dizendo que não tentou tomar o partido e que Fufuca foi quem ofereceu o partido. Disse que enviaria uma nota de esclarecimento. Mas até hoje a nota nunca chegou ao blog.

A Rejany não quis o partido. Ela que não quis. Se ela quiser o partido ela toma. Dênia é fraca. Se a Rejany quiser hoje o partido é só ela mandar uma mensagem para o Fufuca pelo Whats. Ela é vice-prefeita. A Dênia é uma simples vereadora que nem fede e nem cheira’, disse Denis Nascimento, amigo da vice-prefeita’, assim que a confusão começou.

Pelo conteúdo da mensagem do amigo da vice-prefeita sabe o que aconteceu? Isso mesmo que você está pensando. A Rejany tomou o partido da vereadora Dênia e já compôs a comissão provisória. Segundo informações, a vice-prefeita ainda contou com o apoio de Ari Furtado, esposo da prefeita para tomar o partido.

Agora sem partido, a vereadora já procura uma nova sigla para disputar a eleição de 2016. O provável destino será o PSDC.

Veja quem são os novos membros do PSC em Paraibano

Presidente: Rejany Sá Gomes Correia Dias

Vice-presidente: José Armando Oliveira Brito

Secretária: Maria do Socorro Ribeiro de Sá

1º Vogal: Suelem Teixeira Correia

2º Vogal: Ana Maria de Lucena Andrade

3º Vogal: Thaila Natana Furtado de Carvalho

Tesoureiro: João Batista Gomes Correia

Pergunta que não quer calar:

Se a vice-prefeita tem tanto prestígio com o deputado federal André Fufuca, porque não usou sua influência para pedir Emendas para o município?

O parlamentar teve  728 votos em Paraibano com o apoio da vice-prefeita e família e não mandou nenhum centavo para o município. Já para Miranda do Norte, onde Fufuca teve 6 votos, mandou R$ 1.000.000,00 (um milhão).

Que tal a vice-prefeita cobrar isso do deputado?

Saiba mais

Vereadora Dênia vence a disputa pelo controle do PSC contra a vice-prefeita de Paraibano

Açude formado na MA-202 sob o comando do secretário Clayton Noleto completa 8 meses

As imagens abaixo registrada pelo editor deste blog durante o ano de  2015 comprovam o descaso do governo Flávio Dino e do secretário Clayton Noleto com a rodovia MA-202.

O problema existe desde o governo Roseana que não fez nada para resolver a situação. E segue no governo Dino que mostra-se incapaz de resolver de uma vez por todas o problema.

Em fevereiro deste ano Clayton Noleto esteve no local e prometeu uma solução definitiva.  Foi colocado concreto e uma galeria. Mas bastou chover que a galeria foi entupida com sedimentos e o açude se formou.

Clayton ainda chegou a dizer para o editor deste blog que o problema seria resolvido com o desassoreamento do rio Paciência. Detalhe: O rio Paciência passa a mais de 500 m do local e nada tem a ver com o açude de esgoto.

Para retirar a água de esgoto do açude  uma bomba foi utilizada por diversas vezes.

Conclusão da história: O secretário mentiu  e o problema persiste até hoje e sem data para acabar.

Confira as imagens:

Janeiro de 2015

DSC_2112

Maio de 2015

DSC_8111

Setembro de 2015

DSC_3169

Saiba mais

Moradores da Forquilha interditam MA-202 com entulho

Confira as imagens do açude na MA-202

Veja as imagens do descaso do governador Flávio Dino e do secretário Clayton Noleto com a rodovia MA-202

A rodovia MA-202 (Estrada da Maioba ) continua  sorte. Tanto no governo Roseana quanto no governo Flávio Dino a rodovia segue tomada por buracos.

O inoperante secretário de Infraestrutura, Clayton Noleto já foi alertado sobre os buracos e um açude que tem causado transtorno danado  aos motoristas na rodovia.  Já foram feitas diversas reclamações para o secretário nas redes sociais. Sabe o que  Clayton Noleto fez? Nada.

Para se livrar dos buracos, os motoristas trafegam na contra-mão, causando congestionamentos. Vários acidentes já foram registrados nos locais dos buracos.

Enquanto o governo Dino anuncia a segunda etapa do programa ‘Mais Asfalto’ a MA-202 está abandonada.

Veja as imagens dos buracos e do açude na MA-202.

MA-202 segue tomada por buracos (setembro de 2015)

Fotos: Hilton Franco, em 29/09/15.

Buraco na MA-202 que causou transtorno no governo Roseana segue causando transtorno no governo de Flávio Dino

As imagens abaixo mostram o mesmo buraco na MA-202 (Estrada da Maioba) em épocas diferentes. Segundo um morador, o problema já tem mais de 10 anos.

E nestes 10 anos, todos os governos foram incapazes de resolver o problema. Diversas operações tapa buracos foram feitas no local, mas alguns dias depois o buraco está de volta.

E continuará por mais tempo se não fizerem a drenagem do esgoto que jorra sobre o péssimo asfalto que se desmancha constantemente.

Buraco no Km 4,3 da rodovia MA-202 no governo Roseana, dia 18/02/2014.

DSC_0269

Buraco no Km 4,3 da rodovia MA-202 no governo Flávio Dino, dia 29/09/2015.

DSC_3145

Saiba mais:

Buracos interditam pista da MA-202

Eliziane Gama deixa o PPS e filia-se ao Rede Sustentabilidade

Eliziane Gama

A deputada federal Eliziane Gama anunciou no início da tarde desta quarta-feira (30) a sua filiação à Rede Sustentabilidade, partido liderado pela ex-senadora Marina Silva.

Eliziane é uma das articuladoras da Rede no Maranhão e foi uma das maiores incentivadoras para a criação deste novo partido no Brasil.

“Nós ajudamos a construir a Rede Sustentabilidade no Maranhão e agora fazemos parte. Agora pela Rede nós continuaremos nossa atuação aqui no Congresso Nacional e também nosso projeto para São Luís”, destacou.

Através das redes sociais, a deputada maranhense comentou sua saída do PPS, partido em que construiu uma história e disputou duas eleições como deputada estadual, uma de deputada federal e a última eleição para a Prefeitura de São Luís.

“Minha missão como filiada ao PPS foi concluída, agora continua como amiga. Essa não foi uma decisão fácil, sobretudo pelos vínculos afetivos com o partido. Agora minha missão continua na Rede Sustentabilidade, um partido novo que nasce no viés do desenvolvimento sustentável e dos direitos humanos. Essas causas são minha luta de vida!”, comentou.

Eliziane Gama é a primeira deputada federal a filiar-se à Rede Sustentabilidade e já participou das votações nesta quarta-feira (30) na Câmara representando o partido. A Rede Sustentabilidade tem um senador filiado e com a filiação da deputada maranhense sobe para cinco o número de parlamentares do novo partido na Câmara dos Deputados.

Petrobras aumenta o preço da gasolina em 6% e o do diesel em 4%

Folha de São Paulo

combustivel

A Petrobras decidiu reajustar em 6% o preço da gasolina e em 4% o preço do diesel nas refinarias. O aumento vigorará a partir da zero hora desta quarta-feira (30).

O preço nas bombas é livre e costuma ser reajustado à medida que o combustível com preço novo chegue aos postos.

Em geral, segundo o sindicato dos postos de combustíveis, o aumento de preço para o consumidor tem sido um pouco menor que o das refinarias.

A decisão foi tomada pela companhia na noite desta terça diante dos problemas de caixa da empresa após a forte alta do dólar nos últimos dias.

A estatal informou o aumento por meio de comunicado.

O reajuste é uma sinalização ao mercado de que a empresa, hoje comandada por Aldemir Bendine, tem autonomia para definir sua política de preços dos combustíveis.

“Os preços da gasolina e do diesel, sobre os quais incide o reajuste anunciado, não incluem os tributos federais Cide e PIS/Cofins e o tributo estadual ICMS”, diz o comunicado da empresa.

Integrantes do governo disseram à Folha que o próprio Palácio do Planalto considerou inevitável o reajuste em função das dificuldades financeiras da empresa, fortemente impactada pela disparada recente do dólar, o que ampliou os já elevados níveis de endividamento da companhia.

Em 10 de setembro, a agência de classificação de risco Standard & Poor’srebaixou a nota da Petrobras, tirando dela o selo de boa pagadora.

 

TSE aprova criação do Partido da Mulher Brasileira, 35ª legenda do país

Folha de São Paulo

O TSE (Tribunal Superior Eleitoral) aprovou na noite desta terça-feira (29) a criação do Partido da Mulher Brasileira (PMB), a 35ª legenda do país.

O partido apresentou 501 mil assinaturas de apoiamento, sendo que a lei exige a comprovação de apoio popular de cerca de 487 mil pessoas ou seja, equivalente a 0,5% dos votos dados para o cargo de deputado federal nas eleições do ano passado.

O PMB poderá disputar as eleições municipais de 2016. A legenda, no entanto, surge com tempo de TV e recursos do Fundo Partidário mínimos.

A sigla só terá direito a parte desses benefícios que é dividido entre todas as agremiações com registro na Justiça Eleitoral. Para conseguir maior fatia, terá que eleger deputados federais –o que só ocorrerá em 2018.

O PMB comprovou possuir mais de nove diretórios no país, outro requisito: já existem unidades em Alagoas, Amapá, Amazonas, Bahia, Ceará, Distrito Federal, Espírito Santo, Maranhão, Minas Gerais, Pernambuco, Rio de Janeiro, Roraima e Sergipe.

Desde 2008, a legenda tenta se viabilizar. Em 2009, o TSE chegou a negar o pedido de registro porque não foi apresentada toda a documentação exigida.

Em seu site, o PMB se apresenta como partido de “mulheres progressistas”, “ativistas de movimentos sociais e populares” e que, junto com homens, “manifestaram sempre a sua solidariedade com as mulheres privadas de liberdades políticas, vítimas de opressão, da exclusão e das terríveis condições de vida”.

“Todos os partidos políticos têm mulheres, contudo a vida cotidiana de mulheres continua na mesma, dia após dia, ano após ano. Apesar do trabalho partidário perseverante de muitas mulheres, os interesses de mulheres nunca foram prioritários”, afirma.

A direção do partido afirma que a ideia é garantir maior presença feminina na política. “Os progressos para garantir uma maior presença feminina nos lugares de decisão têm sido demasiado lentos. Se acreditarmos nos valores democráticos, não podemos excluir metade da população das estruturas do poder”, afirma.

“As Casas Legislativas (Municipais, Estaduais e Federal) e o Senado da República, ainda estão longe de atingir o nível da massa crítica de 30%, considerada necessária para que as mulheres possam efetivamente influenciar a política. A igualdade entre homens e mulheres também é benéfica para as empresas. Estas têm de aproveitar plenamente todos os nossos talentos se pretendemos fazer face à concorrência mundial.”

Ex-secretário de Roseana foi preso e solto 4 dias depois

Joao Abreu na cadeia

O ex-secretário da Casa Civil no governo de Roseana, João Abreu, preso  pela Polícia Civil na última sexta-feira (25/09) em São Luís dentro da aeronave da TAM ao retornar de São Paulo já está solto. Diferente de outros presos, João Abreu não foi algemado e nem foi colocado no porta-mala da viatura.

A decisão para soltar João Abreu foi dada nesta terça-feira (29/09) pelo desembargador José Luiz Almeida, 2ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça do Maranhão, ao conceder a um habeas corpus impetrado pela defesa do ex-secretário no governo de Roseana.

O magistrado ainda decidiu que João Abreu  terá que usar tornozeleira eletrônica, será obrigado a devolver o passaporte no prazo de 48h e não poderá conversar com qualquer dos envolvidos no escândalo da Lava Jato por qualquer meio. Ele também não poderá exercer nenhum cargo na estrutura dos poderes Executivo, Legislativo e Judiciário, em âmbito Federal, Estadual e municipal.

O que pesa contra o ex-secretário de Roseana Sarney

João Abreu é acusado de receber R$ 3 milhões em propina do doleiro Alberto Youssef para intermediar o pagamento de um precatório à construtora Constran. No final de agosto, Abreu foi indiciado por corrupção.

O acordo que teria sido fechado com pagamento de propina pelo governo do Maranhão com a construtora resultou no acerto de pagamento de R$ 114 milhões à empreiteira envolvida na operação Lava Jato. Segundo as investigações, Abreu cobrou e recebeu do doleiro R$ 3 milhões para agilizar o acordo.

O doleiro Alberto Youssef foi preso em um hotel de luxo na capital maranhense no dia 17 de março de 2014. Ele estaria na cidade para pagar propina a João Abreu. A prisão desencadeou a Lava Jato.