Rose Sales se filia ao Partido Progressista e entra na disputa pela prefeitura de São Luís

Rose Sales

Rose Sales 2

A vereadora de São Luis, Rose Sales, assinou neste sábado (16/04), a ficha de filiação no Partido Progressista (PP). Rose estava sem partido após ser convidada a deixar o PCdoB em função da posição contrária ao prefeito Edivaldo Holanda Júnior.

O evento lotou o Casino Maranhense, na Avenida Beira Mar, no centro de São Luís, e reuniu lideranças políticas expressivas como o presidente estadual do Partido Trabalhista Brasileiro (PTB), deputado federal Pedro Fernandes, que também é coordenador da bancada maranhense na Câmara Federal, os deputados estaduais Wellington do Curso (PPS) e Adriano Sarney (PV), vereador Manoel Rego (PTdoB), ex-vereador de São Luís, Vieira Lima (PRTB), entre outras lideranças do Maranhão.

Rose Sales foi apresentada pelo comando do Partido Progressista (PP) como pré-candidata a prefeita de São Luís, nas eleições de 2016.

Durante o seu pronunciamento, o presidente do (PP), deputado federal, Waldir Maranhão, afirmou ter conquistado uma companheira séria em mais uma aliança duradoura.

“Tenho grande convicção de que hoje (16) estamos selando uma aliança duradoura e de ouro. Aqui é a pedra fundamental, um lançamento de uma pré-candidatura a prefeitura de São Luis” – disse o deputado Waldir Maranhão.

Ao fazer seu primeiro discurso como progressista, a vereadora Rose Sales agradeceu as palavras do presidente Waldir Maranhão, a presença das lideranças políticas e comunitárias, além, claro, da população no evento. Em seguida, a vereadora falou sobre sua filiação ao PP.

“Sou uma mulher livre, que não possuo amarras e não estou presa a ninguém. Sai do partido onde está o poder, e o governo do Estado. Eu não estou em busca de poder, não tenho sede por poder, sou política e quero fazer do exercício do poder um servir para o povo” – disse Rose Sales em suas primeiras palavras.

Assessoria de Comunicação de Rose Sales